Paralisia do Sono; Abdução, entidades demoníacas ou apenas um distúrbio do sono?

Tente imaginar você acordando no meio da noite e perceber que não é capaz de se mover ou falar, e ainda, sente uma presença sobre você que parece lhe prender, lhe segurar impossibilitando seus movimentos. Este fenômeno apavorante é conhecido como paralisia do sono, e é mais comum do que você imagina.

Muitas pessoas vivenciam durante a paralisia do sono alucinações, sensação de falta de ar, uma presença malévola no quarto (que é explicada do cérebro ficar em um estado “hiper vigilante”, fazendo a pessoa temer muito um ataque), ou ainda acreditam que estão morrendo. Mais raramente, alguns episódios da paralisia são acompanhados de sentimentos de queda, flutuação ou a sensação de estar fora do corpo. Por isso, alguns cientistas propuseram essa condição como uma explicação para os relatos de abduções alienígenas e encontros fantasmagóricos.

04paral

Paralisia do sono – outromundo.net

Dados Cietíficos

Pesquisadores afirmam que saber como isso acontece ajuda a sentir menos pânico durante um episódio do distúrbio do sono. Como algumas pessoas não sabem, elas acreditam que algo sobrenatural está agindo sobre elas.

A paralisia do sono acontece quando o cérebro e os músculos do corpo se dessincronizam durante o sono, e a pessoa acorda durante o sono REM (movimento rápido dos olhos), fase do sono em que os sonhos são mais frequentes. Nessa fase, o cérebro libera duas substâncias chamadas glicina e GABA, que deixam os músculos paralisados. Ficar consciente antes do corpo “acordar” caracteriza a aterrorizante experiência, onde as pessoas não podem se mexer, falar ou gritar. A paralisia pode durar de alguns segundos até cerca de 5 minutos.

Algumas pessoas tem episódios frequentes, enquanto outras só experimentam durante uma ou duas vezes na vida, enquanto outros nunca vivenciam a experiência. Felizmente, a paralisia do sono é inofensiva, desconsiderando o enorme pavor que a pessoa sente quando não sabe o que está acontecendo.

02paral

Referências Culturais

Na cultura Hmong, paralisia do sono descreve uma experiência chamada “dab tsog” ou “demônio apertador”, da frase composta “dab” (demônio) e “tsog” (apertar, esmagar). Frequentemente, a vítima afirma enxergar uma figura pequena, não maior que uma criança, sentada em sua cabeça ou peito.

Na cultura vietnamita, a paralisia do sono é conhecida como “ma de” que significa “segurado por um fantasma”. Muitas pessoas nesta cultura acreditam que fantasmas entram no corpo das pessoas causando a paralisia.

Na China, paralisia do sono é conhecida como “鬼压身” (pinyin: guǐ yā shēn) ou “鬼压床” (pinyin: guǐ yā chuáng), o que pode ser traduzido literalmente como “corpo pressionado por um fantasma” ou “cama pressionada por um fantasma”.

Na cultura japonesa, a paralisia do sono é conhecida como kanashibari (金縛り) que significa literalmente “atado ao metal”.

Na cultura popular húngara, a paralisia do sono é chamada “lidércnyomás” (“lidérc pressionante”) e pode ser atribuída a um número de entidades sobrenaturais como “lidérc” (aparições), “boszorkány” (bruxas), “tündér” (fadas) ou “ördögszerető”.[4]

Na cultura brasileira, a paralisia do sono pode ter originado a lenda da Pisadeira, segundo a qual, durante o sono, uma mulher lendária pisa sobre o peito da pessoa que está dormindo, enquanto esta vê tudo e não pode fazer nada.

Na cultura portuguesa, a paralisia do sono era, até o século XX, atribuída a um personagem do folclore, denominado Fradinho das Mãos Furadas. Ele sentava-se em cima das pessoas durante a noite e mexia em objetos da casa, mudando as coisas de um lado para o outro.

Na cultura norte-americana, os extraterrestres são os supostos causadores da paralisia do sono. Essa crença folclórica deve-se aos movimentos Nova Era. Enquanto que na Europa se veem demônios ou bruxas, nos Estados Unidos veem-se extraterrestres durante os episódios de paralisia do sono.

Paralisia do sono - outromundo.net

Paralisia do Sono e Entidades

Com base em anos de pesquisa e experiência pessoal Peter Michael do The Spiritual Clearing Institute aponta que este transtorno é inteiramente causado por “entidades anexas”.

Estas entidades anexas segundo “Peter Michael” entram em nosso corpo através de cortes e furos no domínio da energia (aura). Mas o que são? São em geral demônios, e também “podem ser aqueles reptilianos” segundo Peter.

Tem sido demonstrado que, enquanto você está dormindo ou começando a cair no sono, a alma se separa do corpo, enquanto que esta separação está acontecendo ou começando a acontecer, a entidade entra no seu corpo por um tempo temporário, como para criar algum desequilíbrio, confusão, medo, e roubar uma parte de sua energia, enquanto a transição está ocorrendo. Deve-se notar que quase todas as pessoas que experimentam a paralisia do sono se sentem extremamente cansadas e exaustas depois da experiência, pois se trata de uma luta de poder e energia que está ocorrendo entre seu corpo físico e uma entidade anexa.

Segundo Peter Michael, a verdadeira causa da paralisia do sono, não são distúrbios psicológicos, emocionais ou físicos e nem por sua alma está fora do corpo, mas sim entidades de energias inferiores que se ligam ao corpo humano com aura enfraquecida. Os sintomas basicamente são: ausência de movimentação, de fala, ou qualquer coisa.


Paralisia do sono - outromundo.net

Paralisia do Sono e Abduções

Pesquisadores podem atribuir experiências de abdução a uma série de causas, incluindo esquizofrenia, síndrome cerebral orgânica, transtorno bipolar, estresse pós-traumático tardio ou até mesmo alergias alimentares  O neurocientista Michael Persinger aponta para o lobo temporal do cérebro. Persinger acredita que anomalias do lobo temporal, quando combinadas com determinadas expectativas culturais (como a crença em alienígenas ou anjos) podem fazer com que a pessoa acredite que está tendo uma experiência real.

O que dizer desses relatos abaixo?

Por uma questão compreensível os protagonistas pediram para manter suas identidades no anonimato. 
Este caso em particular chamou atenção por acontecer com quase todos os membros da família.

Localização: São Paulo / Brasil.

Caso: Suposto Implante e Abdução

Os três protagonistas afirmam que “o fenômeno salta de uma pessoa para a outra”.

A – Tem 46 anos – sexo feminino.
B – Tem 70 anos – sexo feminino.
C – Tem 18 anos – sexo masculino.

Eles descrevem suas experiências como sendo repletas de sensações e sintomas desagradáveis. [A] afirma e mostra na região, logo atrás das orelhas (junto ao lóbulo), estranhas saliências, como se fossem pequenos caroços (tamanho de um feijão), que se manifestam, às vezes atrás da orelha esquerda, às vezes na direita, e às vezes nas duas, coçando e aumentando de tamanho, mas também desaparecem. Quando estes “caroçinhos” se manifestam, parece coincidir com os sintomas. Paralisia dos membros, tremor interno, arrepios, “uma sensação muito ruim” conta [A], experimentados tanto a noite como durante o dia no caso de um cochilo. Os “sonhos” lembrados parcialmente por [A] quase sempre tem conexão com “naves extraterrestres e seus tripulantes”. [B] e [C] têm os mesmos sintomas, embora não lembrem de viver experiências com extraterrestres em seus sonhos. Seria este um caso de “abdução” em grupo?  Seriam os sintomas, causados pelos “implantes”, como uma reação neurológica para desligar as “vítimas”? Porque três pessoas diferentes, porém dividindo o mesmo espaço, teriam uma mesma condição de Paralisia do Sono?

Relato de uma americana Chamada Judy

Acordei a meio da noite com uma luz muito forte. Parecia que tinha enfiado as mãos numa tomada e não me conseguia mexer. Gritei pelo meu marido. Ele parecia estar inconsciente. A forte luz azul entrava pela janela e vi três criaturas em redor da minha cama. Uma delas olhou nos meus olhos. Subitamente lembrei-me que já o tinha visto e foi como um arrepio cósmico. Perguntou-me se estava pronta para ir e eu perguntei onde. Os olhos dele estavam muito próximos dos meus e eram eles que me erguiam. Senti-me a sair da cama. Lembro-me de olhar para baixo e de pensar que era divertido, mas depois o meu pensamento lógico entrou em pânico, a perguntar para onde iria. Vi uma nave imensa e fiquei espantada. Fiquei surpresa com o tamanho, mas também aterrorizada e envergonhada porque estava a flutuar completamente nua. Quando cheguei à nave fiquei inconsciente. Não me lembro de mais nada.

Relato Próprio

Em minhas experiências com paralisia do sono, a qual sofro desde pequeno, porém durante um tempo com muita frequência,  pude constar que algumas vezes parecia estar flutuando sobre a cama e descer lentamente, outras vezes, além dessa sensação de estar flutuando, senti como se estivesse sendo segurado por um ser de aparência cinza esverdeado, parecido com as descrições de aliens Grays, que não deixava com que eu me virasse ou mexesse até que estivesse descido por completo até minha cama. Outras vezes, tinha a sensação seres totalmente negros, como uma Sombra  a me observar até que recuperasse os movimentos.

Paralisia do sono - outromundo.net

Homem com paralisia do sono registra aparição durante a noite.

Mike Pike é um homem normal, que considera a si mesma cético e racional. De acordo com ele, “eu nunca tive um interesse em assuntos paranormais antes disso, mas, depois de pesquisar, percebi que poderia haver alguma relação [entre o sobrenatural e sua paralisia]”. Acontece que Pike sofre de Paralisia do sono. Entretanto, cansado de suas noites mal dormidas e do cansaço acumulado, Pike resolveu apelar para o incomum e filmar sua cama enquanto dormia. Para sua surpresa, essa estranha “mancha” gasosa (ou seja lá o que for isso) foi registrada.

Desde o episódio, Pike não têm conseguido dormir no próprio quarto e ficou bastante perturbado. Ele dizia que sentia uma presença quando acordava paralisado, anteriormente, e que agora essa sensação havia piorado.

Confira abaixo o registro de Pike:

No final do ano passado (2015) A Netflix lançou um filme/documentário sobre a paralisia do sono intitulado The Nightmare (O Pesadelo). O filme mostra os assustadores relatos de pessoas que convivem com o problema e posso afirmar que o resultado é bem assustador. The Nightmare segue a investigação de assombrosas visões demoníacas vividas por pessoas que sofrem de paralisia do sono.
Confira o trailer:

São muitas as cresças em torno do  acontece em casos de paralisia do sono, um simples fenômeno psiquiátrico, visitas noturnas de seres de outro planeta, demônios, espíritos…
O fato é que somente quem passou por essa situação sabe o quão terrível é, e no fim, você decide no que acreditar.

Fontes: misteriosdomundoentityattachment,  Projeto Quartzo Azulwikipedia.org

Veja também