24 de Junho; Dia Mundial do Disco Voador

Para muitos, a data não diz muita coisa, mas para os pesquisadores da área e interessados no assunto, é um marco na história. Esta data é referência para todos os ufólogos do planeta.

O dia foi criado a partir do primeiro caso oficial de aparição de OVNIs (Objetos Voadores Não Identificados) do século 20, em 24 de junho de 1947, quando o piloto norte-americado Kenneth Arnold observou durante um voo nove objetos coloridos em alta velocidade e convocou a imprensa para relatar o fato.

Dia mundial do disco voador - outromundo.net

Fenômeno OVNI

A maior incidência de registros de OVNIs acontece nas regiões rurais e de serra, que têm um céu sem tantas “interferências” como nos núcleos urbanos. Mas é preciso muito critério para analisar essas aparições, já que elas podem facilmente ser confundidas com fenômenos naturais. Um dos mais proeminentes centros de estudo sobre o assunto no país é o Infa (Instituto Nacional de Investigação de Fenômenos Aeroespaciais).

A região de São José dos Campos tem uma incidência de aparições considerada alta pelos ufólogos e apresenta também um dos mais importantes casos já registrados no Brasil, chamado de “noite oficial dos OVNIs”, em maio de 86.


Muitas farsas já foram desvendadas e outros acontecimentos nunca explicados. Apesar de nenhuma aparição ser confirmada pelas forças militares mundiais, fica a certeza do fascínio que o assunto desperta em muitas pessoas, leigas ou pesquisadoras. Talvez este seja o maior mistério da humanidade na era moderna.

cia-files-ufo

Noite oficial dos OVNIs

A noite de 19 de Maio de 1986 ficará para sempre conhecida no Brasil como a Noite Oficial dos Ovnis, pois foram registrados cerca de 21 OVNIs concentrados sobre a região de São José dos Campos.

O fato foi comentado abertamente na imprensa pelo Brigadeiro Otávio Moreira Lima, Ministro da Aeronáutica, que deslocou caças de várias bases para investigar e filmar a ocorrência, permitindo aos pilotos e operadores de radar que dessem testemunhos na imprensa.